Polícias deflagram operação em Cristinápolis e Tomar do Geru e três suspeitos morrem em confronto

Nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira, 5, na cidades de Cristinápolis e Tomar do Geru, na região Centro Sul de Sergipe, Policiais civis e militares deflagram uma operação com o objetivo de cumprir mandados de prisão e busca domiciliar contra membros de uma associação criminosa responsável por crimes de pistolagem e tráfico de drogas.

Durante a Operação denominada Terminus, três homens morreram em confronto e houveram as apreensões de  quatro pistolas, dois revólveres e dois veículos, além de substâncias entorpecentes.

Conforme a Secretaria de Segurança Pública (SSP), em Cristinápolis,  houveram duas mortes e os suspeitos foram identificados como Joneci Goes de Oliveira, conhecido como “Geno” ou “Cigaro”, líder da associação criminosa; e Tairone dos Santos Silva. Eles eram ex-presidiários. um outro suspeito foi encontrado. Além disso, Robson Santos Santiago, o “Robinho”, foi preso em flagrante por porte ilegal de arma de fogo.

Ainda segundo a SSP, em Tomar do Geru, Gilmar Santos da Silva entrou em confronto com as forças de segurança; e José de Jesus, o “Flávio”, foi autuado em flagrante também por posse ilegal de arma de fogo.

Por Daniel Villas-Bôas, da Redação Xodó News